quinta-feira, 3 de janeiro de 2013

Minha Sombra Protetora


Percebo e aceito tarefas da meia idade além de mim, do meu trabalho.
Serenidade ao lado do meu engajamento.
Zelo, volto-me para meu interior e entrego-me ao meu processo de crescimento interior...
Assim sou eu depois dos quarenta anos...


Como uma árvore na qual a pessoa pode encostar, em cuja sombra é bom abrigar-se e em cujos galhos há vida.
(Anselm Grunn)

Ver Mt 13,31s

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"Deixe-me acreditar que o Pequeno Príncipe vez ou outra deixa seu asteroide e vem me visitar. "

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...